Pokémon Go está morto?

pokemon go
Aug
15

Pokémon Go está morto?

Então, você parou de jogar Pokémon GO e acha que o jogo morreu?

Se você é o tipo de cara que fica pensando “nossa, em Agosto de 2016 todo mundo jogava Pokémon GO e o jogo morreu tão rápido, né? ” eu venho aqui mostrar o quão errado você está.

O jogo que lançou em Julho de 2016 nos EUA e demorou 1 mês para chegar nos Estados Unidos, foi indubitavelmente um sucesso gigantesco e quando eu falo que foi gigantesco, você provavelmente não tem nem ideia do quão bem sucedido ele foi, então aqui vão uns números para vocês entenderam o quão monumental foi o pico que Pokémon GO atingiu

De acordo com uma pesquisa realizada pela Sensor Tower, o tempo médio de uso do PoGo ultrapassou o do Facebook por mais de 45% em Julho de 2016, alguns dias após o seu lançamento.

imagem 1

Também em Julho, segundo o Survey Monkey, o jogo também atingiu no dia 11 de Julho, 21 milhões de usuários ativos simultâneos, se tornando o jogo mobile mais popular de todos os tempos, em comparação este foi o pico de usuários do top 5 jogos mais populares da história:

imagem 2

O jogo foi hospedado no Google Cloud (discutivelmente a nuvem mais poderosa do mundo, junto do Amazon Web Services e os serviços Alibaba).

Segundo este post do blog do Google, a Niantic (desenvolvedora de Pokémon GO) tinha uma expectativa X para a popularidade do jogo e a equipe Google Cloud, com a experiência que tem e conhecimento da força da marca Pokémon, montou uma estrutura para aguenta 5X a estimativa da empresa, chamada de Worst Case Scenario (Cenário de pior caso).

Ou seja, caso o jogo fosse MUITO popular e cada pessoa que gostasse do jogo e já estava esperando pelo seu lançamento ansiosamente, conseguisse convencer até 4 amigos a jogar, a rede estaria preparada para tal.

O cenário real, no entanto, se mostrou diferente e o jogo atingiu em menos de 2 dias, um tráfego 50x maior do que o estimado.

imagem 3

Cinquenta, vocês entendem isso?

Não é simplesmente uma pessoa indicou para quatro amigos, não é mais algo apenas presos em círculos sociais, é algo viral como nunca havia se visto antes no caso de jogos mobile (ou qualquer outra coisa, nada tinha viralizado tão rápido assim).

Quem jogou o jogo no começo sabe que o servidor ficou fora e era bem difícil de acessar o jogo, ficavam culpando a Nintendo (que nada tem a ver com o desenvolvimento do jogo, sendo apenas detentora dos direitos dos Pokémons) e mal sabiam que nem o Google conseguiu prever o que estava prestes a acontecer.

Ainda em Julho, mês de lançamento e antes mesmo de sair no Brasil, o jogo, matérias como esta já foram publicadas:

Pokémon GO ultrapassa 75 milhões de downloads, mas começa a perder força

O título que engana, dá a entender que o jogo estava começando a ir mal, usa números impressionantes como “jogo perdeu 5 milhões de usuários ativos” dando a entender que isso era muito, mas falha ao compreender uma estatística bem simples.

A previsão de jogadores era 1X, lembra? A Google Cloud preparou a estrutura para 5X e o tráfego atual foi 50X.

Sabendo que o pico de jogadores foi no dia 14 de Julho, com 25 milhões de usuários ativos, podemos aplicar as contas.

A previsão era de 500 mil jogadores, inicialmente e a Google Cloud preparou para 2.5 milhões, chamando de CENÁRIO DE PIOR CASO.

Ao se obter 25 milhões de usuários ativos e depois perder 5, ficando num total de 20 milhões de usuários, você ainda tem uma base de jogadores 40x maior do que o estimado.

Digamos que você abre uma empresa pequena e espera lucrar 1000 reais em um mês, mas neste primeiro mês você lucra 50 mil e no segundo mês 40 mil, você acharia justo dizerem que você está perdendo a força?

Pois bem, o negócio se intensifica um mês depois do jogo lançar em terras tupiniquins, quando matérias assim começam a sair:

De mal a pior? Pokémon GO perde quase todos os seus jogadores pagantes

No texto, o autor até mesmo admite que o jogo ainda era o mais rentável do mundo, apesar de usar as palavras “um dos mais rentáveis”, mesmo sendo o número 1 tanto na App Store quanto no Google Play.

Na imagem utilizada, retirada do whitepaper da empresa Comscore, sobre o mercado digital, você vê um claro comentário saudável sobre os dados que estão sendo apresentados:

imagem 4

Pokémon GO foi um fenômeno de app móvel que rapidamente subiu para atrair uma enorme audiência e desde então, retornou à terra.

Vamos para o dicionário!

Segundo o Priberam:

imagem 5

 

substantivo masculino

1. Tudo o que está sujeito à .ação dos nossos sentidos ou nos impressiona de um modo qualquer (física ou moralmente).

2. Tudo o que na natureza é momentâneo e sucede poucas vezes.

3. Tudo o que é extraordinário, raro ou novo; coisa surpreendente.

4. Pessoa de dotes extraordinários.

5. [Medicina] .Fato; manifestação; sinal, sintoma.

“fenómeno”, in Dicionário Priberam da Língua Portuguesa [em linha], 2008-2013, https://www.priberam.pt/dlpo/fen%C3%B3meno [consultado em 15-08-2018].

Algo momentâneo, que acontece poucas vezes, algo que é extraordinário, raro ou novo, uma coisa surpreendente.

Vemos que a Comscore utiliza números um pouco maiores, 28.5 milhões de jogadores em Julho e desde então uma queda para 5 milhões de jogadores, um número que se demonstrou estável, desde Setembro de 2016, até o final de Dezembro de 2016 (período que a Comscore avaliou o jogo).

Voltando ao nosso cálculo anterior, utilizando os valores da Comscore como referência:

Se a Niantic esperava X, o Google se preparou para 5X e o real foi 50X = 28.5 milhões

A Niantic esperava em torno de 570 mil usuários, a Google se preparou para 2.85 milhões e o real foi 28.5 milhões, depois de alguns meses do lançamento, o jogo se estabilizou em torno de 5 milhões de jogadores ativos.

Isso significa que o valor ainda era 75% maior, do que o Google Cloud determinou como cenário de pior caso, pior caso, lembrando, significa “a maior popularidade que o jogo poderia atingir”

O jogo ficou sem aparecer de novo nas notícias dos portais da grande mídia por um bom tempo, por motivos simples:

O número de players se estabilizou e/ou cresceu, o app seguiu como um dos mais lucrativos das stores e continuou criando conteúdo novo, adicionando novas mecânicas que os usuários vinham pedindo, novas gerações de Pokémon e muito mais.

Quanto ao que eu digo, sobre ele ser um dos mais lucrativos, sinta-se à vontade para fazer o teste por conta própria.

Abra sua store e caso seja a Play Store, você terá uma aba de jogos mais famosos e dentro dela, uma divisão por “mais rentáveis”.

Caso você tenha o jogo instalado no seu celular, lembre-se de virar a chave para “Exibir apps instalados” segue screenshot de hoje do meu celular:

imagem 6

Quando eu digo que o jogo adicionou novos conteúdos, eu gostaria de fazer um resumo aqui, para que vocês tenham uma ideia, mas quem quiser que eu escreva um texto com maiores detalhes sintam-se à vontade para pedir nos comentários ou no meu Twitter (@eddyderisio).

Trocas

Sim, agora você pode trocar pokémons com os seus amigos e eles ainda conseguiram fazer isso de um jeito que não quebrasse completamente o jogo!

“Como?” vocês podem perguntar, mas isso é bem simples de explicar com uma das outras mecânicas que eles introduziram no jogo..

Lista de amigos

Agora você tem como manter uma lista de amigos dentro do jogo e ainda avançar na sua amizade com eles, trocando pokémons, enviando presentes ou então batalhando em junto em raids.

Cada nível que você aumenta, diminui os custos em Stardust (poeira estelar) para trocas de Pokémon, que podem ser bem caras quando se tratam de Pokémons Shiny ou Lendários.

Ah é, eu esqueci de falar disso, é? Eles adicionaram pokémons lendários no jogo.

Eles não são tão raros quanto nos jogos originais, mas não é tão simples de se obter um, eles estão por trás de uma das mecânicas mais divertidas introduzidas, as famosas…

Raids

Agora você pode juntar todos os seus amigos e batalha em conjunto contra Pokémons lendários, junte até 20 amigos, fique de olho nos ovos que chocam dentro de um ginásio e quando o lendário surgir, você terá 45 minutos para derrotá-lo através da mecânica de passes de raid (você recebe um gratuito todo dia, o que te dá direito à uma raid inteira, não importa quantas vezes você tenha que tentar).

Fique esperto, alguns ginásios ainda te garantem um convite especial, com hora marcada para uma Ex Raid.

“O que é Ex Raid?” Você pode se perguntar e eu respondo da seguinte forma:

É o jeito que a Niantic conseguiu de deixar um Pokémon poderosíssimo, realmente raro, o pokémon que eu estou falando é o…

MewTwo

Sim, MewTwo está no jogo e se você quiser ter uma chance de pegar o Pokémon mais forte lançado até o momento, você precisa fazer raids em ginásio que gostamos de chamar “Ex eligible”, pergunte para o pessoal a sua volta.

Abra o jogo, acompanhe onde terá uma raid através dos ovso com timers nos ginásios, vá até o local para batalhar e com certeza você encontrará múltiplas pessoas tentando enfrentar os monstros.

Caso você tenha sorte, isso vai gerar um convite para uma Raid EX com data e horário marcado.

Apareça no dia e veja centenas (afinal, por sala cabem 40 em batalha) de pessoas tentando derrotar o chefe dos chefes e buscando sua oportunidade de adicioná-lo à sua coleção.

Aqui tem algumas fotos da vez em que eu participei de uma Raid EX:

raid raid2raid3 raid4

Alola, 2ª e 3ª geração

Nós temos agora Pokémons da 2ª e 3ª geração e recentemente a Niantic fez um pôster e distribuiu em alguns parques do Brasil, do 2º aniversário de Pokémon GO e já tinham pistas ali de que a quarta geração em breve será adicionada.

Além disso, nós temos um pézinho na sexta-geração com as variantes regionais de Alola.

Caso você não saiba como isso funciona, é bem simples.

alola

No Pokémon Sun & Moon, foi o adicionado o conceito de regiões que afetam os Pokémons, da seguinte forma:

Um Vulpix que nasce em uma área gelada, é de gelo, assim como um Sandshrew!

Um Grimer que entrar em contato com poluição do mar, fica com aquelas manchas arco-íris dos derrubamentos de petróleo e ganham a propriedade sombria, pra demonstrar o impacto ambiental que isto causa.

Existem vários pokémons de Alola e sugiro que vocês pesquisem um pouco, pois são muito legais e eles já estão disponíveis no Pokémon GO, através de Ovos de Alola (7km para chocar) que são obtidos apenas de presentes recebidos dos seus amigos!

Quests

Sim, agora você tem quests dentro do Pokémon GO e elas te dão prêmios, como itens, experiência ou até encontros garantidos com Pokémons raros!

Nunca pegou uma Chansey? Gire uma pokestop, torça para vir uma quest de “Chocar 5 ovos”, complete-a e seja recompensado com um encontro com uma Chansey (lembre-se, você ainda tem que capturá-la!)

As quests mudam a cada mês, sempre com uma temática diferente!

Faça uma quest por dia, ganhe selos e ao completar uma semana, seja recompensado com um Pokémon Raro.

A recompensa deste mês é o cão lendário Raikou, mas já tivemos Snorlax, Articuno, Zapdos e Moltres!

Além das quests diárias, nós temos as quests míticas, onde você segue uma história dentro do jogo, com entregas bem mais desafiantes e que te recompensam com um Pokémon Mítico.

Até agora nós só tivemos o Mew, como resultado desta quest mítica de 8 passos.

No último evento que tivemos chamado Safari Zone, a Niantic introduziu o Celebi como uma nova quest mítica, para quem atendeu ao evento, mas em breve será liberada para todos tentarem a sua sorte nessa aventura

Eventos

Ah é, eu mencionei que nós temos eventos frequentes agora?

Todo mês, nós temos um final de semana em que chamam de “Community Day”, onde eles fazem um Pokémon específico ficar muito mais comum e com chances grandes de ser shiny (mudam-se as cores dele).

larvitar

Essa foto aqui tirei no Community Day de Larvitar, essa estátua estava no meio do Ibirapuera!

Descubra onde o pessoal da sua cidade vai, veja na guia de notícias do jogo quando é o próximo Community Day e divirta-se!

Em Setembro o Community Day será de Chikorita, que não é muito excitante, mas até agora tivemos:

  • Pikachu (Janeiro)
  • Dratini (Fevereiro)
  • Bulbasaur (Março)
  • Mareep (Abril)
  • Charmander (Maio)
  • Larvitar (Junho)
  • Squirtle (Julho)
  • Eevee (Agosto)

Fora os Community Day, nós temos eventos temáticos como eventos de fogo, de água, salve o planeta terra, semana da descoberta, Safari Zone em que você pode encontrar pokémons diferentes no jogo e socializar com a comunidade da sua região!

PVP

Tá certo, você ainda não pode batalhar com seu colega dentro do jogo, apesar da mecânica de ginásios ter mudado bastante desde o lançamento.

No entanto, a Niantic prometeu adicionar esse modo antes do fim de 2018, como informa o Gamesradar neste artigo aqui: Niantic is adding Pokemon Go PvP before 2018’s over

Você pode achar que é só promessa de político, mas eles fizeram o mesmo com Trocas e já estamos tendo nosso 3º mês de trocas em Agosto de 2018, então assim que pudermos batalhar contra os monstrinhos de nosso amigos, eu atualizarei o artigo com mais informações!

Tá, tiveram todas estas mudanças no jogo, mas me falaram que o jogo estava morrendo, apesar dessas atualizações, o jogo está vazio? De acordo com a análise do Superdata, Pokémon GO foi o 3º jogo mobile mais lucrativo em 2018, com medições feitas até Junho deste ano.

A Nintendo já havia divulgado que Maio de 2018 foi o mês com maior número de jogadores desde o lançamento, como foi reportado pela Forbes e pela Eurogamer.

Na análise da Superdata, eles haviam publicado que foram 147 milhões de players diferentes, durante o mês de Maio, mas eles removeram este dado de sua publicação, mas não é de se duvidar de sua veracidade, já que ele segue batendo de frente, em lucro, com gigantes dessa área.

O que esperar do futuro?

Vocês já podem saber, mas a Nintendo está lançando dois novos jogos de Pokémon para Nintendo Switch, chamados Let’s Go, Pikachu! e Let’s Go, Eevee! e ambos os jogos terão interação direta com Pokémon GO de celular, permitindo até mesmo a troca entre os jogos.

Além da interação com os jogos de Switch e do PvP, podemos espera novidades como novas gerações dos monstrinhos de bolso, novas mecânicas, novos eventos (por que não um evento na América Latina e de preferência no Brasil?) e cada vez mais motivos para sair de casa, jogando com amigos esse jogo que me acompanha todos os dias!

Não querendo atribuir todo o mérito ao jogo, até por que eu estou de dieta, mas desde o lançamento do jogo, eu me exercito bem mais e passei de uma pessoa que vivia jogada no sofá, pra uma que prefere andar, quando o destino fica a menos de 10km.

O resultado é visível:

antes e depois

Compartilhe essa quest!

About Gih Q'uest

Uma apaixonada por games, cultura nerd e lámen, cuido da edição dos posts do blog!

Quest 1: Curtir!

Quest 2: Descobrir!

ipv6 ready